Brazil_3_sports_728x90_BR

Guia da Uefa Euro 2016

Vai começar um dos maiores torneios de seleções do Mundo! E dessa vez serão 24 seleções nacionais disputando o troféu. A edição deste ano acontecerá na França e podemos esperar jogos e disputas do mais alto nível. Pensando em você fizemos um guia rápido para você se ligar em quais são as seleções e saber as expectativas de cada uma no torneio. Conheça tudo sobre as equipes e suas principais estrelas.

Grupo A – França, Romênia, Albânia e Suíça

Além de ser anfitriã, a seleção francesa é uma das grandes favoritas a vencer esta Euro. Com um time invejável – mesmo sofrendo baixas importantes como as de Benzema e Varane -, o time comandado por Didier Deschamps conta com Antoine Griezmann, Pogba e companhia para fazer toda uma nação feliz. Sem vencer um grande torneio desde a Eurocopa de 2000, os Bleus estão sedentos por essa conquista.

Além da França temos a seleção da Romênia que volta a figurar em um grande torneio após passar muito tempo como incógnita. Sua ultima boa participação em um cenário internacional foi em 2000, chegando a uma quartas de final. A Albânia conseguiu um feito inédito e quer mostrar que pode ser muito mais do se parece. E para finalizar a Suíça vem como uma segunda força deste grupo a sombra das suas ultimas boas campanhas em Copas do Mundo.

antoine-griezman-paul-pogba-franca

Grupo B – Inglaterra, Rússia, Eslováquia e País de Gales

A Inglaterra quer mostrar que seu futebol vai além da promessa, e nessa edição da Euro está com muita expectativa, porém suas ultimas campanhas em Euros e Copas do Mundo trazem aos seus torcedores grandes desconfianças. Mesmo assim o English Team vem com jogadores que terminaram suas temporadas voando, como Jamie Vardy do Leicester e Harry Kane do Tottenham. A Inglaterra tem como obrigação ficar em primeiro lugar nesse grupo.

Para competir com o English Team, a Rússia aposta em sua tradição – foi campeã em 1960 como União Soviética – para superar as dificuldades e quem sabe chegar à semifinal, como em 2008. A Eslováquia não tem um grande nome, o maior é o de Marek Hamsik, mas com um time bem arrumado e sabendo de suas limitações, a equipe do leste europeu pode fazer um bom campeonato. E pela primeira vez na Euro, País de Gales deposita tudo em Gareth Bale e Aaron Ramsey para fazer bonito após mais de 50 anos longe da elite do futebol. 

Grupo C – Alemanha, Irlanda do Norte, Polônia e Ucrânia              

A Alemanha, atual campeã do mundo, vem como outra favoritíssima e deve passar facilmente como primeira do grupo mesmo sentindo a ausência de Marco Reus. A seleção alemã quer o título que não ganha desde 1996 e conta com a estrela de jogadores como Thomas Muller, Mesut Ozil e Manuel Neuer para conquistarem seu quarto título de Euro.

A Irlanda do Norte chega como o time franco atirador nesse grupo C. Outra equipe classificada pela primeira vez para a Euro, os britânicos não tem nada a perder. Já os dois países do leste europeu, Polônia e Ucrânia, sedes da última edição em 2012, devem batalhar pela vice-liderança do grupo.

thomas-muller-manuel-neuer-alemanha

 Grupo D – Espanha, Croácia, República Tcheca e Turquia

Um grupo bem equilibrado tendo o Espanha como a seleção cabeça de chave. A seleção bi-campeã do torneio foi mal na ultima copa do mundo saindo ainda na fase de grupos, mas com um time reformulado com nomes como o de Nolito a “Fúria” quer mostrar que seu bom futebol e toque de bola refinado ainda são dignos de uma seleção campeã.

E o resto do grupo? A briga vai ser muito boa. Três seleções com pouco apelo no cenário internacional, mas com jogadores de renome como o goleiro Petr Cech, na República Tcheca, Luka Modric, da Croácia, e Arda Turan, da Turquia.

Grupo E – Bélgica, Itália, Irlanda e Suécia

O chamado grupo da morte! Na chave E não há espaços para erro. Difícil apontar favoritos, mas a seleção Belga, com sua geração de grandes jogadores, sai um pouco na frente. Mas Hazard, Lukaku, Courtois e seus companheiros terão de apagar a imagem da última Copa do Mundo e fazer uma bela campanha no torneio continental.

A Itália ultimamente tem jogado apenas com sua tradição e esse ano vem com uma seleção que para muitos é a mais fraca dos últimos anos. O técnico Antônio Conte deve apostar em uma boa defesa para tentar surpreender as outras seleções e assim fazer uma campanha além das expectativas como fez em 2012.

Já a Suécia vem respaldada por Zlatan Ibrahimovic. Seu maior jogador é o time e a equipe deve jogar pra ele. Tanta dependência pode ser prejudicial, mas a seleção sueca tem história e quer provar isso. E a Irlanda entra como grande azarão do grupo e terá de fazer um pequeno milagre para conseguir a classificação.

Grupo F – Portugal, Islândia, Áustria e Hungria

Portugal vem sempre como uma seleção mediana, porém acabou tendo sorte em pegar um grupo com seleções tão fracas. Como sempre o maior destaque é Cristiano Ronaldo. Os gajos querem tentar mostrar que são mais que uma seleção mediana e tentar chegar novamente a uma final e tirar a má impressão que ficou em 2004 quando perdeu a final para a fraca seleção da Grécia.

Briga boa entre as três seleções: Hungria não conta com uma grande estrela, mas após anos fora do cenário do futebol, a equipe que já teve Ferenk Puskas – e foi terceira colocada em 1964 – como referência quer mostrar que voltou para ficar; a Islândia conta com uma seleção jovem e em construção que fez uma excelente eliminatória. Sigurdson e Gudjohnsen (ele mesmo!) são os caras do time; e a seleção Austríaca chega com expectativas e suspeitas: jogadores como Alaba e Arnautovic terão de fazer a diferença para o time tentar alguma coisa.

Nov. 15, 2013 - Lisbon, Portugal - CRISTIANO RONALDO celebrates scoring Portugal's first goal during Portugal v Sweden 2014 World Cup Qualifying European Zone Play-Off First Leg at Estadio da Luz. (Credit Image: © Alex Morton/Action Images/ZUMA24.com)

Other Articles

Comments (1)

  1. O choro de Payet | Futebol no Planeta

    […] Leia Mais:Guia da Uefa Euro 2016 […]

Leave a Reply