Apostas de Futebol com Betway

Eurocopa mudou pensamentos sobre CR7

Tem de tudo, amor e ódio, não importa, não da para querer discutir que Cristiano Ronaldo é um grande jogador. Do esporte, futebol e de hoje? Não. Ele é o maior jogador de toda história mundial. Um jogador que como todos os outros tem o seu temperamento e emoções, o que o faz não ser perfeito como qualquer um de nós. Muitos questionam algumas de suas atitudes e por causa delas não gostam muito dele e o questionam muito.

LEIA MAIS: O talento nem sempre prevalece

Nesta Eurocopa, várias facetas de Cristiano Ronaldo foram mostradas. Durante a fase de grupos, em um momento que antecedia a última partida, da qual Portugal precisava sair com, pelo menos, um bom empate, o jogador foi abordado por um repórter português de forma um pouco atrevida. Na ocasião, o camisa 7 puxou o microfone da mão do jornalista e o arremessou no lago sem mais nem menos. Não por acaso, rapidamente uma chuva de julgamentos caiu sobre ele. Muitas pessoas o taxaram como o pior jogador no extracampo. Disseram que sua soberba anulava sua técnica. Mas o que estava por trás dessa atitude poucos tentaram saber. O motivo não foram somente matérias feitas pelo jornal em que o profissional trabalha as quais demonizavam o atleta. Fotos de membros de sua família em situações vexatórias e o difamações o acusando de coisas muito graves também foram publicadas pelo veículo.

Claro que nem todas as suas atitudes são dignas de aplausos. Como uma declaração do jogador contra a seleção da Islândia que foi bastante infeliz. Porém neste torneio a maioria de suas atitudes foram dignas de um grande líder, um verdadeiro capitão. Nem pelo Real Madrid já tínhamos visto o jogador jogar tanto pela equipe e apoiar seus companheiro de uma forma que os faziam esquecer que não eram favoritos nos confrontos. Além do apoio e liderança CR7 fez a diferença dentro de campo como no jogo contra a Hungria que deu a classificação para Portugal.

Depois do apito tão esperando pelos adeptos portugueses e da celebração com a taça inédita, Cristiano Ronaldo concedeu uma entrevista e, mais do que nunca, mostrou ser digno de todos os elogios existentes. Em meio a uma onda de intolerância e preconceito com imigrantes que toma conta da Europa, o português dedicou o primeiro título da história de Portugal em uma competição de grande porte a todos aqueles que constantemente são vítimas de xenofobia. “É um troféu para todos os portugueses, para todos os imigrantes, todas as pessoas que acreditaram em nós. Estou muito feliz e muito orgulhoso”, afirmou, provando que sua compaixão para com o próximo excede o meio esportivo e, sobretudo, sua zona de conforto.

Tudo o que vimos dele neste campeonato o descrevem. Desde episódio com o repórter como as belas atitudes com algumas pessoas e crianças quando invadem o campo. E dentro de campo sendo um verdadeiro líder, um cara que tem vontade de vencer e conseguiu colocar essa idéia nos corações de seus companheiros. Tudo isso mostra quem é Cristino Ronaldo e sua grandeza. Tenho certeza que após essa Eurocopa muitos mudarão de opnião em relação ao camisa 7. E ele terá muito mais fãs.

Other Articles

Leave a Reply