728x90_b_

Falcao Garcia ainda pode render?

Um cara bem cotado no mercado, já tirou mais de 100 milhões de euros dos clubes que o contrataram. Mais de 200 gols em apenas 350 jogos na carreira e com um bela rodagem pela Europa. Esse é Falcao Garcia, que apesar desta bela carreira no passado, hoje com 30 anos de idade é uma incógnita.

De 2014 para cá, foram três lesões sérias e outras menores, que somadas o tiraram do gramado por 12 meses. Ou seja, em mais de um terço do período analisado ele não pôde jogar. A decisão de trocar o Atlético de Madrid pelo Monaco foi acompanhada de enorme azar na parte clínica, o que comprometeu seriamente sua carreira. Por Manchester United e Chelsea nos últimos meses, nem de perto ele lembrou o matador El Tigre dos tempos de River Plate, Porto e Atlético de Madrid.

Agora o jogador já esta 100% fisicamente, deu uma entrevista bem empolgada para o site do Monaco.

“Primeiramente, estou muito feliz de retornar ao Monaco. É possível perceber a equipe melhorando jogo após jogo. Ver essas melhoras traz muita satisfação. Quanto a mim, os gols me enchem de confiança. As sensações são boas, me sinto bem. A única coisa que falta é ter uma sequência de jogos. Com as partidas em sequência, meu corpo se adaptará rapidamente ao ritmo competitivo”.

TIME: JOGOS, GOLS
Lanceros Boyacá: 8 jogos, 1 gol
River Plate: 111 jogos, 46 gols
Porto: 87 jogos, 72 gols
Atlético de Madrid: 91 jogos, 70 gols
Monaco: 22 jogos, 13 gols
Manchester United: 29 jogos, 4 gols
Chelsea: 12 jogos, 1 gol
Seleção colombiana: 62 jogos, 25 gols

O Jogador já fez sua reestreia pelo Monaco contra o Zenit
O Jogador já fez sua reestreia pelo Monaco contra o Zenit

Na quarta-feira ele esteve em campo com a camisa monegasca diante do Zenit São Petersburgo, em amistoso. Pouco tocou na bola nos primeiros 45 minutos antes de sair no intervalo, mas guardou o seu gol de cabeça – o único do Monaco na derrota por 3 a 1. Aos poucos vai recuperando a melhor forma física e segue em busca da recuperação técnica.

Agora o atacante está na parte final de sua carreira e as pernas e o vigor físico já não são mais os mesmos. Por conta de suas lesões o jogador não conseguiu se aprimorar tecnicamente como Cristiano Ronaldo e Ibrahimovic. Além do vigor físico que se vai com a idade naturalmente a confiança do jogador em si mesmo fica abalada.

É difícil acreditar em Falcao García jogando em alto nível novamente. A Ligue 1 talvez lhe permita marcar muitos gols, mesmo imaginando que não haverá luta pelo título. O protagonismo europeu e as transferências milionárias, porém, deverão ser apenas lembranças de um passado recente. Para desmentir isso, precisará de sequência física que não houve nos últimos três anos.

Other Articles

As camisas mais vendidas do mundo

Leave a Reply