apostas de futebol com Betway banner 728×90
Thomas Muller Bayern de Munique

Único jogador formado no clube, Thomas Muller, faz 300 jogos pelo Bayern de Munique

De todas as estatísticas em torno da carreira de Thomas Muller, o mais atraente é que o Bayern está invicto nos 84 jogos do campeonato em que ele marcou gols.

Thomas Muller fez sua  aparição de número 300 na Bundesliga pelo Bayern de Munique no sábado, consolidando seu status como um dos últimos a ter jogado apenas por um clube profissional.

O meia atacante de 29 anos alcançou o marco na vitória por 4 a 0 do Bayern sobre o Hanover 96. De todas as estatísticas sobre a carreira de Muller, o mais impressionante é que o Bayern está invicto nos 84 jogos do campeonato que marcou gols.

Embora ele não tenha conseguido marcar contra o Hanover, ele deu passe para o primeiro gol marcado por Joshua Kimmich.

Ele recebeu seu primeiro cartão vermelho direto em sua carreira bem comportada no emocionante empate de 3 x 3 contra o Ajax pela Liga dos Campeões,depois de ter sido expulso por chutar Nicholas Tagliafico na cabeça. Embora Muller tenha argumentado sobre a decisão imediatamente, ele logo pediu desculpas.

Thomas Muller da solada e Tagliafico do Ajax em jogo da Champions League

Sua reputação de ouro foi prejudicada por exibições ruins nos desempenhos da Alemanha na Copa do Mundo, mas ele lutou para voltar ao time titular de Niko Kovac com o Bayern após um período no banco no mês passado, após uma queda na forma do clube.

Ele já fez 463 partidas pelo Bayern em todas as competições, marcando 181 gols e criando mais 157, desde que se juntou ao clube bávaro em 2000, aos 10 anos.

Nascido na cidade bávara de Paehl, ao sul de Munique, Muller se destacou no  juvenil do Bayern e chamou a atenção do então técnico Jurgen Klinsmann em 2007-08, depois de marcar 18 gols em 26 partidas pela seleção sub-19.

Muller estreou na Bundesliga um mês antes de completar 19 anos, saindo do banco no dia de abertura da temporada 2008-09.

Klinsmann foi demitido em abril de 2009, o seu sucessor, Louis van Gaal, subiu Muller para o primeiro time do Bayern.

“Ele me tirou do fundo do poço”, disse Muller. “Fiz a minha estreia antes dele chegar, e começou a depender de mim continuamente.” Eu diria que a minha maior influência foi Louis van Gaal, porque eu estava na melhor idade para ser influenciado. “

A fé de Van Gaal foi recompensada com 13 gols e 10 assistências, com o Bayern vencendo a Bundesliga e a Copa da Alemanha em 2009-10.

“Mesmo que Franck Ribery e Arjen Robben estejam disponíveis, Muller sempre jogará no meu time”, declarou Van Gaal.

Recuperou a confiança dos treinadores

Tendo sido confundido com um gandula por Diego Maradona depois de fazer sua estréia na Alemanha em março de 2010, Muller conquistou a Copa do Mundo, vencendo a Bola de Ouro como artilheiro da África do Sul com cinco gols e três assistências e o prêmio de melhor jovem jogador, com apenas 20 anos.

Ele continuou a crescer no Bayern, mas sofreu uma decepção na Liga dos Campeões na final em casa no Allianz Arena em maio de 2012.

Muller marcou de cabeça para fazer 1-0 para o Bayern a sete minutos do final da final frente ao Chelsea, mas Didier Drogba empatou minutos depois. O time inglês venceu nos pênaltis.

Bayern e Muller finalmente venceram em sua terceira final da Liga dos Campeões em quatro anos ao vencer o Borussia Dortmund por 2 a 1 em Wembley em 2013, mas o auge da carreira de Muller aconteceu um ano depois, quando a Alemanha venceu a Copa do Mundo no Brasil.

Muller novamente marcou cinco gols, incluindo um “hat-trick” na goleada de 4 a 0 sobre Portugal e o primeiro gol na inesquecível vitória por 7 a 1 sobre Brasil nas semifinais.

Ele também foi um jogador chave no Bayern vencendo títulos consecutivos da Bundesliga em cada uma das últimas seis temporadas sob o comando de Jupp Heynckes, Pep Guardiola e Carlo Ancelotti.

Sua temporada mais prolífica foi em 2015/16 quando ele marcou 20 gols no campeonato e 32 em todas as competições, com Muller e Robert Lewandowski contribuindo com 74 gols para o Bayern em todas as competições.

Agora, seu objetivo é reviver o Bayern e quebrar o recorde conjunto deoito títulos da Bundesliga detidos por grandes nomes do clube como Oliver Kahn, Bastian Schweinsteiger, Philipp Lahm, Franck Ribery e Mehmet Scholl.

“Meu contrato com o Bayern vai até 2021, e se eu não tiver conseguido oito títulos da Bundesliga até então, algo claramente deu errado”, disse Muller, que venceu sete títulos da Bundesliga.

Other Articles

Leave a Reply