Apostas de Futebol com Betway

O futuro de Neymar: A volta por cima ou o declínio precoce?

Desde quando surgiu no Santos ainda criança sempre se esperou muito de Neymar Jr. Não era preciso uma observação muito atenta para notar que aquele garoto que encantava com dribles desconcertantes e finalizações improváveis seria um dia um dos grandes do futebol mundial.

E a expectativa se cumpriu com títulos pelos Santos, uma milionária transferência para o Barcelona, e inúmeros gols em campo acompanhado de Messi e Suárez, formando o aclamado “trio MSN”.

Entretanto, a ambição excessiva por alcançar o posto de melhor jogador do mundo, além da imaturidade e um possível deslumbramento com o próprio talento, levaram o jogador a tomar decisões equivocadas que acabaram por atrasar sua carreira, causando prejuízos a seu status enquanto jogador e a sua imagem.

A transferência para o Paris Saint German, a dois anos atrás, trazia em si a expectativa de Neymar por brilhar longe da sombra de coadjuvante de Messi, conduzindo o PSG a inédita conquista da Champions League e alcançando finalmente a tão sonhada bola de ouro, para a qual chegou a ser cotado algumas vezes entre os 5 primeiros segundo o sites especializados em apostas esportivas online como a Betway. Entretanto, por fatores dentro e fora de campo, o sonho acabou virando pesadelo.

Em sua primeira temporada na equipe francesa, Neymar Jr. tratou logo de se envolver em polêmicas com Cavani, maior artilheiro da história da equipe e ídolo parisiense, devido a questões menores como cobranças de faltas e penaltis, mostrando um desespero em fazer gols a qualquer preço e total despreparo emocional para lidar com o futebol como esporte coletivo. Ao mesmo tempo na vida pessoal, seguia assumindo um comportamento mais de celebridade do que de atleta, estampando muito mais as páginas de fofoca por seu relacionamento com Bruna Marquezine, por suas intermináveis festas e viagens ao Brasil do que por seu desempenho em campo.

A lesão no quinto metatarso, afastou Neymar dos jogos decisivos do PSG no principal campeonato que a equipe ambicionava conquistar, a Champions League. Sendo assim, Neymar se reduziu apenas aos títulos do Campeonato Francês, onde o PSG sobrou, mas sem nenhuma relevância para os seus objetivos individuais, afastando-se totalmente da briga pela tão sonhada bola de ouro. Some a isso um desempenho mediano pela Seleção Brasileira na Copa do Mundo de 2018 e definitivamente os passos do jogador seguiram na direção inversa dos planos, muito mais em direção ao declínio do que ao ápice dos craques Cristiano Ronaldo e Messi, com quem sonhava disputar o espaço de melhor do planeta.

Depois de duas temporadas mal sucedidas pela equipe francesa e em meio a polêmicas fora dos campos como a acusação de estupro que o jogador teve que enfrentar, Neymar Jr. e seu staff tomaram uma decisão arriscada. Forçar uma transferência de volta para o Barcelona, onde passou os anos mais felizes e bem sucedidos de sua carreira.

Sem ter criado uma conexão com a equipe e a torcida francesa em Paris e tendo saído do Camp Nou 2 anos antes magoando torcedores e dirigentes do Barcelona que queriam sua permanência, Neymar Jr. mais uma vez se colocou em um limbo futebolístico que só atrapalha sua carreira.

Afastado do elenco do PSG e treinando em separado enquanto não vê um desfecho da transação, tendo em vista que o presidente do clube obviamente não deseja liberar sua principal contratação apenas dois anos depois e tendo pago mais de 220 milhões de euros, Neymar deixa sua carreira estagnada.

Barcelona, Real Madrid e Juventus disputaram a contratação do craque.

Era notório que Neymar queria o Barcelona. Sente que tomou a direção errada na transferência para o PSG a 2 anos e queria retomar os dias de glória vividos na Espanha. O problema é que a questão não é tão simples. O Paris tentou dar preferência ao Real Madrid, justamente para não atender as vontades de Neymar, e fez jogo duro com a equipe da Catalunha. A Juventus corria por fora, oferecendo Dybala.

De qualquer forma, as apostas estão lançadas. Uma transferência para o Real Madrid ampliaria o desgaste da imagem do jogador em Barcelona, ao invés da redenção pretendida. Uma permanência em Paris, apesar de não descartada, traria um jogador desmotivado e em colisão com equipe e torcida.

Parece que somente uma transferência para o Barcelona poderia salvar a carreira do jogador e colocá-lo de novo em rota de ascensão ao invés de declínio Agora a novella acabaou, esperamos que Neymar resolva focar no futebol e deixar de lado as polêmicas extra-campo e comportamento de celebridade. Futebol ele tem de sobra. Resta demonstrar e retomar o caminho das glórias.

Other Articles

Top 4 dos virgens de Champions League

Leave a Reply