Apostas de Futebol com Betway

O impacto do Coronavírus no Futebol no Planeta

A pandemia do Coronavírus tem se alcançado cada vez mais países e também afetou em muito o Futebol no Planeta.

Nesse sentido, muitos campeonatos pelo mundo já foram paralisados por tempo indeterminado até que essa questão seja solucionada.

Com isso, fizemos um mapeamento de como está o Futebol no Planeta, com destaque para as grandes ligas.

Panorama do Coronavírus na Europa

Com a situação agravada rapidamente pela Europa, grande parte dos campeonatos no continente estão suspensos

Começando pelas competições organizadas pela UEFA, tanto a Champions League como a Liga Europa estão paralisadas por tempo indeterminado após rápido avanço do Covid-19 no continente europeu.

Além disso, há hipóteses de que o campeonato tenha um modelo de jogos únicos para que a competição seja concluída.

Com isso, uma primeira medida da UEFA foi adiar as datas das finais da Champions e da Liga Europa.

Assim, a final da Champions League passaria do dia 30 de maio para o dia 27 de junho.

Já a Liga Europa, ao invés de ocorrer no dia 27 de maio, foi adiada para o dia 24 de junho.

Outra importante competição europeia, só que de seleções, a Eurocopa não será mais disputada em 2020, sendo transferida para 2021.

Além disso, o cenário entre as ligas nacionais também tem seguido as mesmas lógicas.

Se pegarmos as ligas consideradas Top 5 na Europa, todas estão suspensas!

Até agora, apenas o campeonato francês está suspenso por tempo indeterminado.

Já no caso das outras ligas, a Série A (Itália) está suspensa até dia 4 de abril; Bundesliga (Alemanha) até dia 2 de abril; La Liga (Espanha) por mais duas semanas; Premier League (Inglaterra) até 3 de abril.

Além disso, outras 23 ligas estão paralisadas ou tiveram seu início adiados por conta do Coronavírus.

Com isso, apenas o campeonato russo continua acontecendo com público nos estádios, com restrição de no máximo 1000 a 5000 torcedores.

E outras três ligas mantiveram suas ligas, mas com portões fechados: são elas o campeonato sueco, turco e ucraniano.

Efeito coronavírus na América

Antes de CBF e federações estaduais suspenderem seus campeonatos, jogos ocorreram com portões fechados e causou indignação em muitos boleiros

Após o surto de coronavírus assustar a Europa, agora tem sido a vez dos países da América serem afetados.

Com isso, a Conmebol já anunciou que Libertadores e Sul-Americana estão suspensas até que a situação se controle.

Além disso, no Brasil a CBF suspendeu todas as suas competições e grande parte das federações estaduais seguiu a Confederação Brasileira de Futebol e paralisou seus campeonatos.

E outros países tem seguido a mesma postura que ocorreu no Brasil, casos da Argentina, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela.

Apenas as competições na Bolívia seguem ocorrendo, mas com portões fechados até o fim de março.

Além disso, os campeonatos na América do Norte também estão suspensos até a normalização da pandemia.

Ásia já tem se preparado para voltar com o futebol

Após adiamento, Campeonato Chinês deve voltar dia 14 de abril

Local onde começou a se espalhar o coronavírus, a China parece ter controlado bem a situação e o país já tem voltado pouco a pouco à normalidade.

Com isso, o campeonato chinês, que estava marcado para começar no dia 22 de fevereiro, deve retornar no dia 14 de abril.

A medida causa espanto no mundo pelo fato do coronavírus ter começado na China em dezembro.

Entretanto, segundo o governo chinês, tudo está sob controle e a previsão é de que em abril tudo se normalize no país.

Já o campeonato japonês está paralisado até o dia 15 de maio e aguarda o desenrolar do Covid-19.

Os outros campeonatos pela Ásia estão em estado de alerta e seguindo regras das respectivas federações nacionais, com grande parte deles suspensos até o momento.

Continente africano também sente os efeitos do coronavírus

Apesar de não ter muitos casos confirmados de coronavírus no continente, a Confederação Africana adiou o Campeonato Africano de Nações, que ocorreria em abril de 2020.

A medida é muito mais preventiva do que precaução pelo avanço do vírus, já que a competição mobiliza apenas jogadores que atuam nos países de suas seleções de origem.

Já os campeonatos nacionais no continente, em geral, estão suspensos até que a pandemia seja controlada mundialmente.

Other Articles

Leave a Reply